quinta-feira, outubro 6, 2022
HomeEducaçãoQuestões do Enem sobre racismo no Brasil

Questões do Enem sobre racismo no Brasil


Teste seus conhecimentos sobre racismo no Brasil com exercícios do Enem! São 10 questões com gabarito e um resumo para você estudar Sociologia!

A discriminação racial é um tema recorrente nas questões do Enem. O exame cobra dos candidatos conhecimentos tanto da trajetória histórica do racismo no Brasil quanto das demandas atuais do movimento negro. Por isso, trouxemos um resumo sobre o assunto e uma lista de questões sobre racismo para você testar seus conhecimentos.

Resumo sobre racismo no Brasil

O racismo consiste em teorias e crenças que estabelecem uma hierarquia entre as raças, podendo ser também uma doutrina fundada sobre o “direito” de uma raça (considerada superior) de dominar outra. Infelizmente, apesar de ser um país multirracial, o Brasil é marcado pela forte discriminação e pela desigualdade social entre os vários grupos raciais.

Entre as formas de discriminação, podemos citar o racismo particular person, o institucional e o estrutural.

  • Racismo particular person: proveniente de atitudes individuais, manifestado por meio de estereótipos e interesses pessoais.
  • Racismo institucional: praticado cotidianamente por instituições que mantém a hegemonia de um grupo racial no poder. Está relacionado com as dinâmicas e práticas sociais.
  • Racismo estrutural: é um processo que resulta na classificação da raça com base em uma hierarquia que considera aspectos culturais, físicos e biológicos.

O racismo estrutural é político e histórico. Isso significa que as instituições só atuam como atuam porque estão condicionadas a uma estrutura social que as precede. Em outras palavras, quando as instituições expressam racismo, expressam algo inerente à estrutura social.

Há várias pesquisas que demonstram manifestações do racismo estrutural no Brasil ao comparar dados da população negra com a branca. De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD), por exemplo, as taxas de analfabetismo são de 8,3% entre os brancos, 21% negros e 19,6% mulatos. Ou seja, o analfabetismo atinge os negros 2,5 vezes mais do que os brancos.

Também há uma grande diferença salarial. Os negros ganham, em média, 2,43 salários mínimos. Enquanto isso, os brancos ganham cerca de 5,25 salários mínimos. Sendo assim, podemos constatar que a renda média de uma pessoa branca é mais que o dobro de uma pessoa negra.

A taxa de encarceramento é outro dado que expõe as consequências do racismo estrutural em nossa sociedade. Isso porque uma pessoa negra tem 5,4 mais possibilities de estar na prisão do que uma pessoa branca.

Videoaula

Para aprofundar seus conhecimentos sobre o tema, confira o vídeo do canal do Curso Enem Gratuito:

Questões sobre racismo no Brasil

Por fim, confira como o tema é cobrado no Enem com nossa lista de questões sobre racismo:

Info

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Recent Comments